Preço do aluguel bate recorde em Brasília

Preço do aluguel desacelera, mas bate novo recorde em Brasília, revela Índice de Aluguel QuintoAndar Wimoveis
Tendência é que o valor do aluguel se acomode, assim como em outras capitais. | Águas Claras, Brasília DF, Brasil 1/5/2018  - Foto: Andre Borges/Agência Brasília

Preços atingem recorde histórico, veja o comparativo entre capitais


Indicador lançado hoje na cidade, unindo dados do QuintoAndar e da Wimoveis, mostra que o valor médio do metro quadrado chegou a R$ 42,51 em outubro.

O preço do aluguel em Brasília bateu um novo recorde. Em outubro, o valor médio do metro quadrado atingiu a marca de R$ 42,51. Os dados são do Índice de Aluguel QuintoAndar Wimoveis, lançado hoje na cidade. É o maior valor do metro quadrado em toda a série histórica do indicador, iniciada em 2019. 

O novo indicador combina dados do QuintoAndar, maior plataforma de moradia da América Latina, com os da Wimoveis, um dos maiores portais de classificados de Brasília. Ao combinar valores de contratos de aluguel fechados aos preços nos anúncios na metodologia, o novo índice consegue apontar o preço do metro quadrado mais próximo do praticado, de fato, no mercado.

Os dados mostram que, apesar do recorde, o preço vem desacelerando na cidade. Em outubro, a alta acumulada em 12 meses foi de 9,96% - menor que a dos últimos dois meses.

Para Pedro Capetti, especialista em dados do Grupo QuintoAndar, trata-se de um movimento semelhante ao registrado em diversas outras capitais analisadas pelo Índice, como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Curitiba. São cidades que, após uma forte recuperação dos preços no cenário pós-pandemia, agora observam uma acomodação dos preços.

“No caso de Brasília, esse processo parece ter iniciado agora. É preciso acompanhar os próximos meses para entender essa dinâmica no mercado imobiliário local.” Veja o comparativo abaixo:

Segundo o indicador, nos últimos 12 meses nenhuma região da cidade sofreu uma desvalorização. Quando são analisados os últimos três meses, porém, é possível ver que Águas Claras (-5,6%) e Guará (-0,9%) tiveram uma redução no valor médio.

“Os números indicam esse movimento de acomodação. Mesmo as regiões que mais se valorizaram nos últimos três meses tiveram altas modestas, de não mais de 2%. A única exceção foi o Lago Norte, que registrou um crescimento de 8,2% no valor no período”, destaca Capetti.

Apesar do preço elevado na cidade, os consumidores ainda têm encontrado espaço para negociação. Dados do Índice de Aluguel QuintoAndar Wimoveis mostram que o desconto médio das transações feitas em outubro foi de 2,7%, o que equivale a - 0,1 ponto percentual a mais que no mês anterior.

“Um desconto em torno de 2,7% parece pequeno, mas pode representar muitas vezes uma benfeitoria no imóvel durante um contrato de 30 meses de aluguel. Os números mostram que há espaço para o inquilino negociar e conseguir um preço que caiba em seu bolso, apesar do mercado aquecido”, ressalta o especialista. 

Impacto da mobília e da garagem

Uma das novidades desse índice é a divulgação de preços médios de aluguel de apartamentos padrão. O objetivo é avaliar o impacto da mobília e das vagas de garagem e estimar um intervalo de preço na cidade.

Segundo o indicador, para apartamentos com 1 dormitório, os valores médios ficam entre R$ 1.250 e R$ 1.350, podendo chegar a R$ 1.610 para unidades mobiliadas. Já apartamentos com 2 dormitórios têm uma faixa de preço variando de R$ 1.930 a R$ 2.100, podendo chegar até a R$ 2.520 caso possua uma vaga de garagem. Para apartamentos com 3 dormitórios, os valores médios situam-se entre R$ 3.050 e R$ 3.310.

Veja as 5 regiões mais caras da cidade (com o respectivo valor do metro quadrado):

  • Setor de Clubes Esportivos Sul - R$ 85,1
  • Lago Norte - R$ 44,4
  • Asa Sul - R$ 43,7
  • Asa Norte - R$ 42,9
  • Setor Sudoeste - R$ 42,2

É importante ressaltar que o preço médio do metro quadrado reflete as características inerentes de cada localidade. Isso significa que regiões onde predominam apartamentos menores, por exemplo, tendem a ter um valor maior nesta leitura específica.

Com informações da Assessoria de Comunicação do QuintoAndar

Eduardo Magregor

Jornalista, escritor e desenvolvedor de leis, domina a blogosfera sociocultural com o compromisso de destacar notícias e melhorias governamentais. Seu trabalho abrange matérias especiais, entrevistas e artigos de autoridades, enquanto promove a transparência e benefícios sociais.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Canaã Telecom

Formulário de contato